Desafios de marketing do setor alimentício

Qual é o maior valor da sua empresa?
5 de abril de 2018

Um dos setores mais abalados com as oscilações econômicas do mercado nacional é o ramo alimentício.

Quando as contas apertam, muita gente precisa cortar os gastos com alimentação fora de casa, reduzem as idas a restaurantes e eventos e até diminuem a compra de diversos itens considerados ‘extras’ para casa.

Isso abala a venda de alimentos, venda de produtos gourmet, ovos de páscoa, chocolates, especiarias diversas, bebidas, bares e restaurantes enfim. Abalam também supermercados, buffets, e diversos outros segmentos que lidam com alimentação.

 

Por  mais de 20 anos temos acompanhado e trabalhado para supermercados, restaurantes, indústrias de alimentos, distribuidoras de alimentos, distribuidoras de bebidas e acompanhado de perto a resistência de cada grupo às tempestades do mercado brasileiro.

Na maioria das vezes, nossa preocupação é sempre com a imagem da marca, o nome, e a percepção que o mercado tem desse nome/marca. E manter a marca forte e lembrada é uma das coisas que pode fazer uma empresa sobreviver às épocas de crise.

Muitas empresas vêem o setor de propaganda e marketing ainda como uma DESPESA ao invés de INVESTIMENTO NECESSÁRIO, e essa forma de pensar se revela prejudicial em duas fases: nas baixas da economia e na entrada de um concorrente mais agressivo.

No ramo alimentício principalmente, onde não se pode garantir uma fidelidade sem esforços contínuos, é mais necessário ainda estar sempre se movimentando e atacando novas áreas. Uma marca que não lança novidades, não faz campanhas, não encanta o cliente constantemente e não traz inovações, está fazendo um ‘des-serviço’ à empresa, que virá a sofrer mais tarde com isso.

 

Isso tudo, aliado à falta de verba do consumidor, e as diferentes opções que se acumulam a cada dia, podem ter consequências irreversíveis. Se não houve investimento na marca e sua divulgação nos anos anteriores, a retomada fica mais cara e difícil. Mais uma vez vale a máxima que diz que é mais barato manter clientes do que ter que ir atrás de novos. A fidelização é a base que só vem com a atenção constante e frequente nas divulgações. Fique atento.